Janeiro 27 2015

index.jpg

 Era franzina, com uns olhos lindos da cor do céu!
Quando chegava perto dela recebia-me com o sorriso mais lindo do mundo. No começo da minha atividade de voluntária encontrava-se de cadeira de rodas, e ainda com alguma forma de comunicar, embora por vezes já um pouco difícil de compreender, mas dizia-me claramente: A senhora é o meu anjo da guarda! Gostava que eu lhe desse atenção e que lhe aconchega-se o agasalho, (cor de rosa que era o seu preferido!) Aos poucos foi ficando mais distante, mais frágil, mas sempre me deu o seu sorriso. Quando me ausentava por alguns dias dizia-me: A senhora fez-me tanta falta! Acho que tinha-mos uma grande cumplicidade. Agora nos seus últimos dias simplesmente sorria, e me seguia com o seu olhar azul até eu sair do quarto. Foi assim na última quinta-feira, ontem quando cheguei ao Centro Geriátrico, disseram que tinha voltado ao Hospital no fim-de-semana. Partiu de tarde para esse lugar do qual não existe regresso. Hoje fui fazer-lhe uma última visita, e pareceu-me que sorria serenamente embora já lá não estivesse. Levei-lhe uma Camélia branca simples e singela como era a D. Albertina, Tinha 94 anos.

 

M Izilda Amaral

Voluntária na Lar da SCMAH

publicado por servoluntariosempre às 20:26

mais sobre mim
Janeiro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
28
29
30
31


Contador de visitas
pesquisar
 
blogs SAPO