Novembro 05 2011

 

O meu nome é Mariana Oliveira, tenho 16 anos, estudo na Escola Secundária Jerónimo Emiliano de Andrade, no 11º ano de ciências e tecnologias e sou voluntária na Santa Casa da Misericórdia de Angra do Heroísmo, há sensivelmente 3 meses.

            Em maio deste ano fui assistir a uma ação de sensibilização no âmbito das comemorações do ano europeu do voluntariado, que me despertou a atenção para todo este mundo do voluntariado.

            Lembro-me de pensar nisso quando era mais nova mas o serviço de voluntariado só era permitido a partir dos 18 anos, o que fez com que a ideia nunca tivesse passado apenas de uma ideia. Foi nessa ação que tive o conhecimento de que, agora, o voluntariado é permitido a partir dos 14 anos e que me decidi a fazê-lo.

            Estava acompanhada por 5 colegas e amigos. Um deles já fazia voluntariado há relativamente pouco tempo e os outros estavam mais ou menos na mesma situação que eu. Uma dessas colegas também já tinha pensado nisso, por isso foi a ela que me dirigi primeiro, mas enquanto a conversa se desenrolou, ficámos todos entusiasmados e contagiados uns pelos outros. Resultado: fomos todos!

            Fomos sempre muito bem recebidos pela Sta. Casa e, depois de todas as entrevistas, reuniões e burocracias necessárias, começámos os nossos serviços na geriatria.

            Primeiro fiquei na ajuda à hora de almoço acompanhada por uma voluntária mais antiga na Instituição. Quando chegávamos, preparávamos o refeitório, se ainda houvesse alguma coisa por fazer, trazíamos as pessoas para os seus lugares, fazíamos-lhes alguma companhia enquanto o almoço não chegava e depois dávamos o almoço a quem precisava de ajuda.

            Depois começámos a ajudar numas atividades e jogos, que desenvolvem as capacidades motoras e a motricidade fina e que os ajudam a interagir uns com os outros, e que já vêm ao encontro do tema do próximo ano europeu, que é: “Envelhecimento Ativo”.

            Jogamos dardos, bowling, à pesca, à caça… Eles adoram! Mesmo que ao princípio fiquem um bocadinho hesitantes, no fim querem sempre saber quando é que há mais e ficam com pena de ter acabado, porque são coisas simples, feitas com linhas, garrafas e latas recicladas, mas que os fazem voltar atrás e lembrar aventuras que viveram quando eram mais novos enquanto caçavam e pescavam. Eles contam essas aventuras e querem partilhá-las com “os pequenos” (que somos nós).

            Tem sido uma experiência verdadeiramente enriquecedora.

            Para mim (e acho que posso falar por todos os meus colegas) tem sido bom desde o primeiro dia. É claro que não é no primeiro momento que conseguimos ter a completa confiança de todos, mas houve logo ligação com as pessoas e com a ajuda da D.a Izilda correu bastante bem. Depois, logo no segundo dia, os sorrisos já eram diferentes, e foram sempre ficando mais rasgados à medida que as semanas foram passando.

            São sorrisos que valem todo o esforço que possamos ter que fazer para lá chegar e que arrasam todas as desculpas que possamos dar, ou ter dado, para não o fazer. Desculpas como “eu não tenho tempo”, que é das mais, se não a mais, frequente.

            São 2 horas numa semana. São 2 horas em 168. Tempo que passa a voar em frente da televisão, enquanto vemos uma série que nem seguimos e só estamos a ver porque não está a dar mais nenhum programa que nos agrade; ou tempo que passamos em frente do computador a pesquisar sobre nada, ou a ler artigos vazios; ou tempo que nós, estudantes, passamos com os livros à frente sem ler uma só palavra de matéria.

            A diferença é que, nessas duas horas que estamos lá, na Santa. Casa, recebemos o carinho, o reconhecimento, a alegria de nos verem, a amizade, os conselhos e lições de vida que nos vão dando; mais, incomparavelmente mais, do que o que o computador ou a televisão alguma vez nos poderiam dar.

            E ainda dizem que os voluntários não são recompensados…!

 

Mariana Oliveira

Voluntária no Lar de Idosos da Santa Casa da Misericórdia de Angra do Heroísmo

publicado por servoluntariosempre às 17:38

mais sobre mim
Novembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
14
16
17
18

20
22
23
24
25
26

27
28
29


pesquisar
 
blogs SAPO